Início » Acessibilidade » A questão do daltonismo em gamedev

A questão do daltonismo em gamedev

Direção de arte: definições de cores e de estilos gráficos. Um dos alicerces dos games atuais são as cores. Escolher bem é um desafio interessante e quem tem mais habilidades artísticas tem facilidade. Só que tem uma questão que normalmente não é muito discutida na equipe: a questão dos jogadores com daltonismo. Tava lendo o site O Velho e o mesmo postou uma recomendação interessante de um texto de um jogador (e desenvolvedor) que possui esta deficiência:

Color blind gamer

Essa é uma questão de acessibilidade. Um dos objetivos de uma equipe é fazer divertir. Outra é conseguir fazer com que o seu game seja jogado por muitos, mas é necessário pensar bem nas cores do seu jogo e até na sua mecânica de jogo. Alguns games usam as cores como parte da sua jogabilidade e não pensar direito nas cores utilizadas pode ser um problema grave de jogabilidade. Pelo que andei lendo no texto, em algumas equipes eles pediram ajuda para quem sofre de daltonismo para ajudar na definição de alguns detalhes de cores, podendo incluir um modo daltônico no jogo, trocando algumas coisas do sistema de cores para se adaptar para quem tem essa deficiência.

As equipes poderiam pensar nesse detalhe quando forem fazer os seus games. Estudar a deficiência, estudar modos de criar um game com um sistema de cores alternativo, para que a jogabilidade não saia prejudicada para quem é daltônico. Isso pode acabar encarecendo um pouco os custos de produção, mas você pode acabar ganhando mais uma parcela de jogadores, que poderão jogar o game com a mesma diversão dos jogadores com visão normal.

Relacionados e Publicidade