Pular para o conteúdo
Início » Multiplataforma » A Saga do Hardware 03 – Buzz Quiz TV

A Saga do Hardware 03 – Buzz Quiz TV

BuzzTV_01

Olá pessoal,

Seguindo a linha dos meus antigos posts, escrevo mais uma vez sobre o uso de Hardware em Consoles, porém desta vez vou falar sobre a minha mais nova aquisição: Buzz Quiz TV.

Seguindo a ideia do meu post anterior, vou falar justamente sobre o custo benefício do jogo em geral, tentando fundamentar brevemente os meus pontos de vista.

Geral:

Trata-se de um jogo de Trivia, ou para os mais desentendidos, estilo “jogo do milhão”. O que faz pertinente de mencionar o game nessa “coluna” que estou escrevendo aqui, é que o game vem acompanhado de 4 controles “Buzzers” sem-fio.

De cara, já adianto que não é um investimento absurdo, pois paguei no game + 4 controles a bagatela de $60 USD, o mesmo preço de um game “lançamento” nos EUA (local de compra do meu equipamento).

O game aceita até 8 jogadores “localmente”, caso você tenha outro jogo de “buzzers”, fazendo dele um ótimo game para se ter em festas ou reuniões de amigos. Os controles são sem-fio, porém usam um dongle conectados à porta USB do console. Vale a pena comentar que os controles também podem ser usados em um PS2, caso você tenha a versão anterior do game (que vinha, no ps2, com controles com fio), assim como a versão do PS2 pode ser usada no Ps3, tanto o jogo (Caso o seu modelo de Ps3 seja daqueles que rode games de PS2) quanto os controles, que serve em qualquer Ps3.

Pelo visto, o Buzz será um daqueles games que terá lançamentos contínuos, sempre saindo uma versão nova, porém, pelo que posso ver eles não deixam de oferecer novos pacotes para os anteriores, já que na PSN está disponível a compra de vários novos pacotes de perguntas em tópicos variados (inclusive um exclusivo sobre games). Já que os controles apresentam compatibilidade com versões anteriores de consoles, é obvio que estes controles serão aceitos nos futuros games da franquia. Assim, quando sair o próximo game, talvez eu compre outro bundle com controles apenas pra garantir que poderei jogar em festas com mais amigos de uma vez.

Prós e Contras:

O acabamento do produto é muito bom, parece ser bem resistente e até agora não tenho nenhuma reclamação.

Assim que chegou o game, fui até a casa do Neo Waldrich (agora nosso colega aqui no Select) para fazer o test-drive do game. O resultado foi algumas rodadas extremamente divertidas, com alianças in promptu se formando para derrubar a ameaça maior, o líder do jogo, ou apenas pra irritar alguém!

As perguntas apresentadas no game são extremamente atuais e abrangem os mais diversos assuntos. Desta maneira, quem está na “lanterna”, pode escolher o tópico que domina melhor, tentando recuperar o score e, com certeza, vai achar algum assunto que seus conhecimentos serão recompensados.

Infelizmente, por se tratar da versão americana, a única linguagem existente no meu game é Inglês, então o aproveitamento no jogo está diretamente ligado à sua compreensão do Idioma. Não vou deixar esse comentário ser classificado apenas como negativo pois, assim como outras pessoas, defendo que jogo também é cultura e, nesse caso, você pode treinar o seu inglês para não enferrujar, expandir seu vocábulo e de quebra aprender algumas coisas sobre uma cultura estrangeira.

Para aqueles que não estão aptos ao desafio, ou que prefiram uma versão quebra-galho para jogar com os amigos, existe a versão do mesmo game na região européia, que por sua natureza consta com várias opções de linguagem, entre elas, o Português (onde a dublagem foi realizada por um famoso apresentador de programas):

Será que a versão tupiniquim contaria com o Silvio Santos ? Acho que o Buzz ta mais pra Gugu Liberato.

Notas Finais:

O game é extremamente divertido e de fácil apresentação para aqueles que não costumam gostar de vídeo-games, porém vai depender de quão frequentemente você joga com família e amigos para avaliar seu custo benefício. Existe a barreira da língua, e mesmo contornando com o “Manuelês”, ainda acho que a língua dos nossos colonizadores soa um tanto “alien”, sem falar que a versão européia é um pouco mais cara (Euros, amigão) e normalmente é um pouco mais difícil de importar, especialmente por conta do frete.

Próximos textos:

Espero seus comentários e já adianto que vou apenas escrever mais 2 textos sobre esse tópico (hardware) num futuro breve. O próximo será sobre as tecnologias abraçadas pela Nvidia em suas placas de vídeo, e o último um review sobre o G25 com os games de Ps3 que eu conseguir colocar as minhas mãos. Sintam-se livres para me pedir algum jogo que não esteja na lista abaixo, que vou fazer o possível pra encontrar alguém com o jogo e incluir no review.

Midnight Club LA
Gran Turismo Prologue
F1 Championship Edition
Ferrari Challenge
Burnout Paradise

[Imagens do site oficial]

Relacionados e Publicidade