Início » Activision » Activision e a sua ‘provável’ nova política de preços no Steam aqui no Brasil

Activision e a sua ‘provável’ nova política de preços no Steam aqui no Brasil

Deadpool Activision Game Pizza Screenshot

Update 29/03/2013: Depois do barulho que nós e outros sites fizeram, a Activision fez a redução dos preços do Deadpool e do Fast & Furious: Showdown no Steam. Saiba mais aqui.
Matéria original: Parece que a Activision decidiu fazer o que ninguém gostaria que as produtoras fizessem aqui no Brasil. Desde que o Steam começou a oferecer os games em reais, sempre existiu aquele receio das empresas começarem a precificar os jogos com valores mais altos que os praticados atualmente. Com a política de menos impostos nos jogos pra computador, o PC se tornou atraente para os consumidores, oferecendo jogos a preços abaixo de 100 reais, com valores praticados hoje por R$84,99 nos lançamentos. Um valor que só games antigos de console e promoções conseguem chegar (a única exceção recente é o Assassin’s Creed III, lançado ano passado e com “preço de PC” nas versões para PS3 e Xbox 360, mas saindo por R$ 99,99). Só que, diferente da maioria, a Activision sempre ofereceu valores mais altos nos games e raramente faz reduções e promoções nos seus jogos. O Call of Duty: Black Ops II está por R$109,99, diferente de games mais recentes como o Resident Evil: Revelations e o Metro: Last Light, que saem por R$84,99 (e até mesmo o GRID 2 estará por esse preço, saindo mais barato na pré-venda). O Modern Warfare 3 é outro exemplo, saindo por R$ 99,99, e esta semana ela mostrou que poderá cobrar mais caro nos seus games.
Por exemplo: nos últimos dias foi lançado o Fast & Furious: Showdown, baseado na série de filmes Velozes e Furiosos e cumprindo missões pelas ruas. No Steam, ele está sendo vendido a R$ 159,99, um valor bem alto para um game de PC. E esse valor se agrava com as notas baixíssimas que o game andou recebendo recentemente, o que ajuda a espantar o jogador que possa ter tido interesse em comprar.

Mas esse valor do Fast & Furious não supera o game do Deadpool, que será lançado em 25 de junho e teve a pré-venda aberta recentemente pelo Steam. Por lá, ele será lançado por R$ 179,99, um valor muito alto para jogos de computador. Só que o mais surreal é que no exterior o game será lançado por um preço menor do que o praticado pela indústria, com preços de venda por US$49.99 nos consoles, e no PC será vendido por R$ 39.99 dólares. Como são as produtoras que definem os preços dos jogos, acho que a divisão brasileira está indo na contramão do que é praticado aqui no Brasil pela maioria. Se hoje a gente já acha ruim as produtoras oferecerem games a 200 reais, imagine isso no PC. E esses preços dos jogos dela podem acabar sendo aplicados nos futuros lançamentos, como o Call of Duty: Ghosts, que será lançado em novembro.

O ruim vai ser outras produtoras tomarem a mesma medida, o que vai detonar completamente a maior vantagem de quem joga e compra games regulares para PC. Aí vamos começar a ver um êxodo dos jogadores que vão comprar games em outros sites, que também vendem games que são ativáveis no Steam. Espero que a Activision possa rever essa política, mas acho que estou sendo muito ingênuo quanto às intenções deles. Mas acho que se fizermos mais barulho quanto a isso, quem sabe eles possam ver que podem começar a prejudicar o mercado nacional. E no PC a gente sabe muito bem que se eles dificultarem essa parte, os jogadores vão migrar direto pra pirataria, que é muito mais ativa e fácil nos computadores. Como a minha mãe sempre diz: “antes pingar do que secar”.
[Dica do Max_Laguna]

Relacionados e Publicidade