Início » Expansões » Blizzard já trabalha na sexta expansão do World of Warcraft

Blizzard já trabalha na sexta expansão do World of Warcraft

World of Warcraft - Warlords of Draenor - PC Screenshot - Night

Com uma antecedência impressionante (igual a Ubisoft com os seus Assassin’s Creed anuais) a Blizzard já está trabalhando nas próximas expansões do World of Warcraft, um dos principais jogos da empresa. Segundo o Gameplanet Australia (via WoW Insider) o diretor Tom Chilton confirmou que eles já estão trabalhando fortemente na próxima expansão além do Warlords of Draenor (que sairá em 13 de novembro), tendo novas áreas em produção para expansão, além de 6 a 7 ideias de expansões que eles poderão fazer posteriormente.

Já estamos trabalhando na nossa próxima expansão. Já temos zonas sendo criadas para ela. Para a expansão que será lançada após ela, já temos algumas opções que escolheremos nos próximos meses. Além disso, temos seis ou sete ideias para expansões onde podemos dizer “Quer saber de uma coisa? Vamos pegar isso e colocar sem ser nessa, mas na próxima expansão”. Ou vamos mudar a linha do tempo do que imaginávamos previamente. Tem facilmente 10 anos de conteúdo que nós podemos tirar ideias/esboços – mais, na verdade.

Além disso, segundo o UOL Jogos, já existem diversas conversas e planos dentro da Blizzard para o World of Warcraft II.

“É algo sobre o qual conversamos. É algo sobre o qual falamos há 10 anos. Acho que existem muitos desafios a respeito de como um ‘World of Warcraft II’ estaria ligado ao ‘World of Warcraft’ original, se eles viveriam ao mesmo tempo, se um se alimenta do conteúdo do outro, o que exatamente esse produto seria. Esses são desafios que teríamos que resolver antes do projeto virar realidade”, explicou Chilton, em entrevista ao portal Game Informer.

Nesse caso do novo World of Warcraft, a questão é bem mais complicada. Primeiro que o jogo já está datado e, por mais que eles façam novos modelos de personagens e novidades (como o sistema de guarnições) em matéria de mecânica os concorrentes estão atacando de diversas frentes com mecânicas mais atuais e melhores, como o Guild Wars 2 (com o seu sistema dinâmico de quests), o ArcheAge (que muitos estão elogiando bastante) e em menor grau o Black Desert Online, que promete ter um sistema de combates mais visceral. Fora q questão de enredo, pois não é tão simples inserir um novo jogo e continuar o enredo e a ambientação, pois nem todos podem migrar em um primeiro momento pro novo jogo. Em diversos MMOs eles inserem um tempo enorme de um jogo para o outro, mantendo eles simultaneamente com novos conteúdos, mas focando mais no segundo jogo. Então é um desafio imenso pra Blizzard, e ela está ficando sem tempo pois o jogo está perdendo assinantes ano após ano.
Com o lançamento de Warlords of Draenor a base de assinaturas deve ganhar um boost de jogadores que deixaram de pagar temporariamente, pois em época de final de expansão a maioria não tem muito o que fazer no jogo ou está completando o conteúdo disponível que foi lançado em Mists of Pandaria, e sem ter conteúdo a mais pra jogar muitos deixam de pagar e vão pra outros jogos. E na própria Blizzard já tem alguns jogos que concorrem na preferência do jogador, como o gratuito Hearthstone, a versão Ultimare Evil Edition de Diablo III nos consoles e o MOBA Heroes of The Storm, atualmente em closed beta e com personagens de todas as principais franquias da Blizzard.

Relacionados e Publicidade