Início » Bloodborne » Bloodborne: Saiba como acessar o DLC “The Old Hunters”

Bloodborne: Saiba como acessar o DLC “The Old Hunters”

Já está disponível o “Bloodborne: The Old Hunters“, primeiro DLC do jogo que contém novas localidades, novas armas, inimigos, roupas e chefes adicionais, para os jogadores que queriam mais aventuras, mas já tinham platinado o game. Como de praxe em um game da série Souls (mesmo não tenho um “Souls” no nome) o pacote não é acessível de maneira fácil, tendo de executar algumas tarefas para conseguir acessar a área inicial do DLC.

Com isso, decidi comentar o “modus-operandi”, que pode ser feito tanto na primeira progressão do jogador, quanto no New Game+, apesar de que para a segunda progressão, os inimigos estão mais implacáveis, mais resistentes e você morre com mais facilidade. E a área em si será mais tensa de jogar. Lembrando que tem alguns spoilers relacionados à aventura, e caso ainda esteja jogando o game no começo, você pode optar por fazer essas tarefas posteriormente.

  • Acesse a área do Distrito da Catedral, que tem uma lâmpada dentro de uma igreja.
  • Se você ainda não matou a chefe Vigário Amélia, você deverá fazê-lo.
  • Após vencer a chefe, acione um crânio que está no altar da sala do chefe (iniciando uma cena de enredo e uma “mudança de fase” no mundo).
  • Volte ao Sonho do Caçador e pegue o item “O Olho de um Caçador Embriagado com Sangue”, que está com um dos mensageiros/messengers que ficam no chão:

  • Volte ao Distrito da Catedral e vá para a esquerda, descendo para a praça.
  • Você deverá achar um ponto específico da praça, para poder iniciar um processo de teleporte e poder acessar a área.

Essa área tem uma pequena pegadinha com um dos tipos de monstros do jogo. Se o jogador tem 40 Discernimentos, ele consegue “enxergar” o inimigo, mas se ele não tem, gera a impressão de que ele está flutuando no ar, recebendo um dano enorme de “Frenesi”. Claro que, tem um determinado momento no jogo que eles ficam visíveis mesmo se não tiver tanto discernimentos, mas não vou comentar muito sobre isso por serem spoilers não relacionados com o DLC.

Com isso, basta acender a lâmpada inicial da área, por precaução, para ter um checkpoint inicial em caso de morte durante a progressão nas novas áreas. Então começa o DLC!

Não é um processo muito difícil, mas para quem começou no New Game+ recentemente, pode levar algum tempo para o jogador chegar no Distrito. Não é necessário, por exemplo, matar a Fera Clerical, o “primeiro” chefe do jogo, pois tem uma rota que dá pra ir direto para o Padre Glascoigne (o segundo chefe), sem precisar passar pela Fera Clerical.

Dependendo do nível e habilidade do jogador, ele consegue chegar rapidamente no Distrito, não sendo necessário, por exemplo, ir para outras áreas que o jogador acaba indo normalmente na primeira progressão, como a Antiga Yarnham, bastando apenas seguir para a praça à esquerda do distrito, subir a escada e avançar um pouco no distrito, passando por um cemitério circular, enfrentando um daqueles “monstros sanguessugas de discernimento” (Brainsucker, o pior inimigo do jogo, disparado) e subir uma escada para chegar em uma torre, descendo alguns telhados e depois abrindo alguns atalhos em caso do jogador morrer no meio do processo de matar a Amélia.

Outro detalhe interessante é que é o primeiro pacote de DLC “Souls-like” que vem com troféus, diferente dos DLCs dos primeiros Dark Souls, que não vinham com troféus extras para incentivar o jogador a comprar e jogar (mas diversos fãs compravam mesmo sem troféus). Espero que isso se torne mais comum com outros jogos no futuro, como o próximo “Dark Souls III”, que provavelmente pode até ganhar DLCs no futuro.

Relacionados e Publicidade