Pular para o conteúdo
Início » Game Design » Diminuir a experiência adquirida nos RPGs se os personagens usarem a ‘morte’

Diminuir a experiência adquirida nos RPGs se os personagens usarem a ‘morte’

Google News

Odin. Em Final Fantasy VIII ele é um Guardian Force (um tipo de summon) que mata todos os inimigos da batalha. Fonte da imagem: Final Fantasy Compilation.

O título do post é auto-explicativo, apesar de longo (tentei diminuir seguindo as dicas do Br-Point, mas não consegui…)). Hoje andei jogando (depois de algumas semanas) Final Fantasy X, e durante o jogo esse post veio na mente e decidi aproveitar a mente fresca de idéias ( 😛 ) para postar algumas dicas para game designers e programadores de jogos de RPG.
Num local do jogo, o Wakka (spoilers aqui!) consegue uma arma que causa petrificação ao acertar um inimigo (mais uma idéia: colocar atributos de status na arma. E por falar em status, em breve terá um post relacionado 🙂 ), e com isso o inimigo praticamente morre (foi o que ocorreu em todos os inimigos, apesar de que em tese, o inimigo não deveria morrer!). Então pensei na magia da morte (death) que causa morte instantânea nos inimigos (meio óbvio, mas…). OK, muitos inimigos podem ser imunes podem ser imunes à este tipo de ataque (exceto os mais poderosos e os chefes, por razões óbvias, já que isso poderia tirar o desafio de enfrentar eles!), mas se não são, o jogador acaba descobrindo rapidamente que usar a magia pode tirar aquele incômodo das batalhas aleatórias (ou não tão aleatórias assim, dependendo da mecânica de jogo) e ele pode usar a mesma toda hora, apenas para acabar rapidamente com a batalha.
Então que tal dar uma punição ao jogador se ele usar este tipo de magia? OK, não sei se em algum Final Fantasy tem isso, já que a maioria dos jogadores não repara muito nisso, mas se avisar que pode ter alguma desvantagem em usar este tipo de ataque o jogador pode pensar duas vezes, se ele estiver evoluindo (ganhando experiência seguidamente, esquecendo de prosseguir no enredo do jogo) por exemplo. O melhor meio de punir é diminuir (ou mesmo eliminar!) a experiência adquirida (se o game tiver isso!) em caso de usar a morte nas batalhas. É claro que alguns inimigos muito chatos (como alguma variação das Malboros de Final Fantasy, onde o inimigo solta um ataque cheio de status negativos) podem ter vulnerabilidade ao status da morte e morrer facilmente ao desferir esta magia (um Malboro normalmente terá imunidade à morte, mas isso pode depender do game designer!). Mas como um Malboro são inimigos fortes, a experiência elevada que você pode adquirir ao vencê-los pode ir pro ralo e isso pode forçar o jogador a escolher outro inimigo mais fácil de matar e que tenha tanto (ou mais) experiência do que as Malboros:

Malboros: inimigos muito Fodas! Fonte da imagem: Final Fantasy Compendium.

Por fim, usei o exemplo da planta de Final Fantasy apenas a título ilustrativo. Não recomendo os desenvolvedores usarem ela nos seus games, sob possíveis punições judiciais da Square-Enix e etc. Mas nada impede de você criar uma planta carnívora e colocar ela em seus games, desde que não sejam parecidas com as Malboros dos games da principal série da Square.

4 comentários em “Diminuir a experiência adquirida nos RPGs se os personagens usarem a ‘morte’”

  1. Posso estar errado, mas no FFVIII, se tu usar o Petrify em todos os inimigos tu sai do round com zero de XP (olha que maravilha =D).
    Não sei qual a explicação que eles utilizam, mas, tecnicamente, os inimigos não estariam mortos, apenas petrificados.

  2. Eu não acho certo essa penalização não. Afinal, o jogador estaria apenas um recurso oferecido pelo jogo.
    Não me parece uma boa técnica de design punir o jogador por utilizar um recurso que foi colocado no jogo. Se algo está lá, é pra ser usado.
    Uma forma de contornar o uso excessivo desse tipo de magia, seria elevar seu custo. A magia pode ter um custo de MP muito alto, dificultando seu uso por várias vezes em sequência, ou ainda pode ter um custo adicional em Pontos de Vida.

  3. Fala Flausino
    Concordo plenamente com o Diego: punir o jogador por usar algo que a gente colocou no jogo não faz o menor sentido. Já que você tem uma magia extremamente foderosa que te tira a experiência toda ao ser usada, prá quê usá-la então???
    Subir o custo de determinadas magias seria o mínimo. Ela também poderia ter um tempo de execução bem maior que as outras magias ou então causar algum tipo de dano ao usuário como o custo em PV ou status mesmo.
    Por fim, se nenhuma dessas opções for válida, pode-se trocar a mecânica da magia, diminuindo a esfera de atuação dela: poderíamos causar morte-súbita somente em inimigos com menos da metade de nossos níveis ou então adicionar resistência/imunidade à morte-súbita aos inimigos, derrubando a possibilidade de trucidar hordas de mostros fortes com tal efeito.

Não é possível comentar.