Início » documentário » Documentário sobre a criatividade nos jogos independentes

Documentário sobre a criatividade nos jogos independentes

O documentário “The Creativity of Indie Video Games” foi produzido pela PBS e disponibilizado gratuitamente no YouTube. Nele, jornalistas e desenvolvedores discutem os vários aspectos da construção de um jogo independente, incluindo a liberdade que este tipo de produção acarreta para os autores e as várias áreas envolvidas no processo, como gráficos, música, narrativa e gameplay.

É interessante como há meio que um consenso entre os entrevistados no que diz respeito à principais vantagens de um jogo indie (e esse é um pensamento que a gente vê bastante também no Indie Game: The Movie): a falta de compromisso com uma publicadora e o baixo risco financeiro, que permite que esses jogos explorem idéias malucas e inovem assumindo muito mais riscos que os grandes jogos AAA.

As desvantagens de ir por este caminho também estão caindo. A distribuição já foi um grande problema, mas com o surgimento de diversas plataformas de distribuição digital, como o Steam e canais independentes na LIVE e na PSN, não há grandes dificuldades em se colocar um jogo no mercado hoje em dia. O financiamento ainda gera certa dor de cabeça, mas para muitos o Kickstarter já é uma solução viável para manter a independência e conseguir dinheiro sem depender de uma publicadora.

O documentário está disponível na íntegra no vídeo abaixo e seus participantes são: Jamin Warren (Kill Screen), Zach Gage (criador de Spelltower), Darren Korb (designer de áudio do Bastion), Eddy Boxerman e Andy Nealen (criadores de Osmos) e Leigh Alexander (Sexy Videogameland).

Relacionados e Publicidade