Início » Gamebreaker distribui 5000 chaves do beta do Wildstar no Facebook

Gamebreaker distribui 5000 chaves do beta do Wildstar no Facebook

Wildstar Online - Chua Mordesh Screenshot

Se você perdeu a chance de jogar o beta do Wildstar e tem tempo livre no próximo final de semana, o Gamebreaker está distribuindo 5000 chaves do beta do MMO pelo Facebook. O processo pra ganhar é bem simples: através deste link você tem de curtir a página deles, twittar e, talvez, postar no mural do teu Facebook a divulgação da página deles (que eu acabei fazendo, mesmo tendo aparecido o código antes na página do Facebook). Para ativar a chave, basta ir no site oficial e, se não tiver, criar uma conta oficial da NCSoft. Eu até consegui outra chave, já que, anteriormente, eu tinha comentado que eu poderia ter perdido a conta por não ter conseguido conectar, e ao tentar um novo acesso, eu descobri que eu não tinha liberado o IP atual por questões de segurança, fora que o beta não está funcionando no momento. Sobre o bloqueio por IP, em muitos games online você tem de liberar o IP para impedir o acesso não-autorizado de outras pessoas na sua conta, mas acho que provavelmente terei de recomeçar a progressão no próximo beta, que irá funcionar entre os dias 2 a 4 de maio (sexta a domingo).
Sobre o Wildstar, eu até cheguei a jogar um pouco e achei meio paradão. Tá mais para um World of Warcraft futurista, com uma jogabilidade meio robótica e engessada, tendo muitas barras de carregamento ao fazer determinadas ações do game, como algumas quests diversas. O visual bastante colorido também incomoda muita gente, mas não liguei tanto pra isso, e certamente irei jogar novamente pra ver se eu consigo avançar no jogo e ver outros elementos que não consegui ver anteriormente. O sistema de batalhas é em tempo real, e dependendo da classe, tem um “esquema de área” para definir aonde que irá o golpe. Nos vídeos abaixo tem alguns exemplos, que gravei na época do beta anterior:

O que realmente me incomodou no game é o “estilo artístico” dos braços do meu personagem. Sério, nos vídeos acima mostra os braços estranhos demais pro meu gosto, isso pro meu personagem oficial. Como quase sempre vou com personagens do sexo feminino em jogos de RPG e MMOs (exceções: World of Warcraft, Neverwinter e Mass Effect, onde eu prefiro ir com o Sheperd clássico) então eu decidi ir de maneira real neste, e não curti tanto a experiência. Mas devo tentar novamente neste final de semana, já que no Guild Wars 2 eu já consegui completar o evento do World vs World e não tenho nada pendente pra fazer no game.
Wildstar será lançado em 3 de junho para PC, sendo desenvolvido pela Carbine e distribuído pela NCSoft. Combinando uma temática futurista no planeta Nexus, o game terá 2 facções: os Dominion e os Exiles, onde eles tentarão ganhar o controle do mundo, que possui tecnologia dos Eldan, uma raça hiper-avançada e quase extinta. São 8 raças e 6 classes diferentes, podendo comprar e customizar a sua casa, partidas de PvP em campos de batalha, raides, dungeons, construção de locações de ataques (warplots), combates em tempo real e, segundo o UOL Jogos, terá “quatro possíveis caminhos de desenvolvimento de personagem, que afetará o conteúdo extra oferecido pelo MMO”. O sistema de pagamentos é um pouco estranho, tendo o valor normal (60 dólares) e 2 esquemas de mensalidade: pagando normalmente uma mensalidade (US$ 15 por mês, ou 10.99 se pagar 1 ano inteiro), ou comprando uma moeda específica com outro jogador, e nesta página tem mais infos sobre esse sistema (mas pelo que andei lendo adquirir essa moeda especial de maneira normal será necessário usar dinheiro real).
Update 30/04/2014 – O site oficial da GeForce (da NVIDIA) também está distribuindo chaves. Saiba mais aqui.