Início » Blizzard » Cosplay do dia – Jaina Proudmoore (World of Warcraft)

Cosplay do dia – Jaina Proudmoore (World of Warcraft)

WORLD OF WARCRAFT Jaina Proudmoore Cosplay Capa 01

Consegui achar o Facebook oficial da Doremi (Facebook pessoal dela) que fez a melhor cosplay da Jaina Proudmoore que eu cheguei a ver até aqui. A moça faz parte do grupo Spiral Cats Team, que tem também a Miyuko, a moça que fez a cosplay da Leah (Diablo III) e vire e mexe o grupo faz cosplays dos games da Blizzard. Sobre a Jaina, ela é uma das principais personagens do universo de World of Warcraft, uma moça que escolheu muito mais o lado do povo do que os lados pessoais, pelo que eu li neste post da WoW Girl (e confesso que não sabia muito sobre a estória dela, e a estória de vida dela é bem interessante).

Abaixo tem alguns spoilers de alguns eventos do World of Warcraft que eu participei, que não prejudicam a experiência de quem está jogando/vai começar a jogar, mas que acabam sendo alguns spoilers mesmo assim. Mas antes, vamos as fotos da moça, já com os cabelos prateados. Chegará uma hora que a personagem ficará com os cabelos dessa cor, pois ela é originalmente loira e é protagonista do livro Marés da Guerra, já disponível em português aqui no Brasil.

Modelo 3D oficial da personagem, caso não conheça ela:

Acho a personagem bem interessante, pois eu cheguei a fazer os eventos de Stratholme, com ela aparecendo no começo do evento e tentando impedir o Arthas de entrar na cidade para matar as pessoas infectadas com uma infecção. Outro momento interessante que tem a participação dela é na fuga de Icecrow Citadel (Cidadela da Coroa de Gelo), numa masmorra com 3 partes e que no final a gente encontra o Arthas, já como o Lich Rei. No momento os personagens tem de fugir do cara, que na hora é invencível e sai andando na direção dos personagens. Foi um momento interessante, pois não saberia dizer se, ao falhar nessa parte eu teria de recomeçar a masmorra do começo ou não, e consegui passar de primeira, tendo um pouco de medo de falhar (bem no estilo de Dark Souls, pois no game o erro acaba juntando na progressão do jogador, e por isso o jogador faz o possível para não errar).

Posteriormente cheguei a tentar vencer ele na raide de Icecrow Citadel (Cidadela da Coroa de Gelo), mas depois de 6 horas ininterruptas de raide e 2 derrotas seguidas pelo cara (na época não sabíamos direito as mecânicas da luta, e nem tentei novamente enfrentar ele até o momento), o grupo estava bem cansado e acabamos desistindo de enfrentar ele no momento. A raide também é bem legal, com personagens e momentos marcantes, que foram bem mais apreciados com a localização total do game para português. Ainda penso em comprar o livro Marés da Guerra, para poder ficar mais por dentro do game, apesar de atualmente ter deixado de jogar o MMO por não ter um PC decente. Uma das minhas metas em 2013 é adquirir um novo computador para poder tanto voltar a jogar o World of Warcraft e poder também jogar diversos outros games, como Diablo III, Guild Wars 2 e aproveitar as promoções do Steam, comprando games top a preços baixos.

Relacionados e Publicidade